Translate

quinta-feira, 18 de outubro de 2012

Mérida - A Espanha aqui a dois passos


Mérida - the Spain here so close

Mérida é uma cidade mágica onde em cada rua, a cada passo, nos encontramos com as memórias das Nações que ali viveram e sentimos os seus fantasmas, que vagueiam, solitários ou em grupos compactos, esquecidos dos sonhos que os conduziram e das lutas que travaram, lembrando-se apenas da surpresa final do encontro com esse outro mundo, onde tudo é real e nada é real, dependendo apenas do sentimento de quem sente.
Quase se pode viver o espanto nos seus olhos quando se passeiam no agora árido espaço do hipódromo e o medo dos gladiadores, que no circo serviram com as suas vidas para distrair o povo das diárias misérias.
Mas dois lugares há onde a magia consegue ser ainda mais sensível - no teatro, onde eternamente os fantasmas dos actores representam um drama sem espectadores, e a cisterna, cavada no coração do castelo mouro, escura e silenciosa como a própria magia, onde a poesia se transforma em paz e a luz amadurece nos olhos encantados de quem desce e não se cansa de respirar a atmosfera fresca e suave...

Merida is a magical city where in every street, at every step, we find ourselves with the memories of the nations that lived there and feel their ghosts, wandering, solitary or in compact groups, forgotten of their dreams and the fights they waged, remembering only the final surprise of the encounter with that other world, where everything is real and nothing is real, just depending on the feelings of who feels.

One can almost live the astonishment in their eyes, when they walk through
the now arid area of the racecourse, and the fear of the gladiators, who served in the circus, with their lives, to distract the people from their daily miseries.

But there are two places where magic can be even more sensitive - in the theater, where the ghosts of the actors ever represent a drama without spectators, and the cistern, dug in the heart of the Moorish castle, dark and silent as the magic itself, where poetry is transformed into peace and the light matures in the enchanted eyes of those who go down there and do not get tired of breathing the fresh and soft
atmosphere...







Enviar um comentário